Não é característica minha a hipocrisia. E faltar com a sinceridade definitivamente não faz parte do meu agir. E sendo assim coloco neste breve texto tudo aquilo a qual me remete a partida desta quarta, e por que não tudo o que me preocupa no que tange ao futuro do nosso Grêmio em mais esta Copa. Copa que sempre esteve ao nosso alcance. E diga se de passagem, esteve ao nosso alcance por várias edições nas quais nós mesmos por erros de avaliação as deixamos fugir por entre os dedos.

E prevejo dificuldades a nossa frente. Prevejo dificuldades na medida exata da força de alguns adversários a meu ver, e não poucos, mais talhados ao enfrentamento de Copas. Na Copa, se faz necessária a postura firme, de marcação forte, o jogo rápido, intenso e pelos flancos, sendo muitas vezes aéreo. Enfim, não creio na Copa com os olhos vendados sem a criteriosa análise do que ando vendo.

De modo que torço para que possamos ergue-la mesmo nesta proposta errada de jogo, a meu ver.

E creio, mesmo constatando nossa deficiência.

Só o que desejo é poder por exemplo, vencer e dar “o troco” ao Boca Juniors! Mas sou obrigado a salientar os riscos que corremos diante de um adversário com ênfase em um jogo de força, veloz, firme, bruto e com a qualidade de um Tevez. Sou obrigado a salientar os riscos e minha preocupação diante dos enfrentamentos futuros que se aproximam. Basta ver o que aconteceu por exemplo na partida frente ao São Paulo no Nacional do ano passado. Ali, e basta puxar o VT, fica fácil de constatar a dificuldade que está por vir. E Gremista a sonhar com o Tri, tem o dever de alertar!

Daí meu alerta, sabedor da visibilidade deste espaço, sem no entanto citar atletas e nomes. Estes, nosso Patrimônio e portanto, de extrema valia.

Temos que ter mais força de marcação no meio, a jogada da bola longa, a velocidade mortal do contra ataque, o jogo mais bruto no setor defensivo, o “olho de tigre”… E por fim, o melhor e único armador dotado de condições físicas e técnicas para atuar em um clube da grandeza do Grêmio.  Não é preciso citar nome.

Deixar claro que para mim, Grêmio está ao nível em se tratando de potencial, dos grandes europeus como clube. E daí a cobrança, o alerta, a preocupação na medida exata da grandeza.

Força Grêmio!

E a aqueles que lêem esta coluna, e ocupam os setores vitais do Depto. de futebol do clube, desejo sorte nas escolhas. A sorte dessas escolhas é a minha sorte, e a sorte de todos nós apaixonados pelo Grêmio. O faço por bem. Pois AMO este clube. E quero vê-lo Tri Campeão, se possível eliminando o Boca.

grêmio ldu

 

 

 

 

 

Rogério Fallavena

Vice Presidente do Grêmio do Prata

 

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

7 respostas a “Prezado Torcedor Gremista”

  • Parabéns Fallavena!
    Texto com uma análise fria, deixando a emoção de lado.
    Ficamos todos muito empolgados com o jogo de quarta, mas temos que ter consciência do que precisa ser melhorado, e sempre podemos melhorar…
    Que nosso Grêmio acerte nas escolhas e que venha o sonhado Tri!

  • “…TORÇO para que possamos erguê-la mesmo nesta proposta errada de jogo…
    …CREIO, mesmo constatando nossa deficiência.
    …aqueles que ocupam os setores vitais do Depto. de futebol do clube, desejo sorte nas escolhas.”

    Somos Gremistas de Coração e Alma, também na Razão.
    Certas análises são necessárias pois o objetivo é ver sempre o Grêmio brigando para ser o primeiro.

  • Muito se fala hoje no mundo do futebol nos ensinamentos do Guardiola. Guardiola tem como norte a busca pela perfeição, Bernardinho tem a mesma maneira de trabalhar… não se contentam até mesmo nas vitórias.
    Maicon precisa melhorar na hora de recompor o meio, quando o mesmo sai para o ataque na armação da jogada e perdemos a bola o retorno é lento na hora de recompor, fisicamente é lento.
    Marcelo Oliveira é outro que segue deixando a desejar, não consegue defender com força e não tem chegada na linha de fundo, no meu ponto de vista fisicamente não está bem.
    Temos que ter bem claro que o Grêmio do ano passado nos levou a terceira colocação do Brasileiro e portanto o Grêmio deste ano tem que ser melhor para pensarmos em taças, o Grêmio do ano passado superou nossas expectativas e o Grêmio de 2016 pode e deverá melhorar se quiser pensar em LIBERTADORES… cabe ao Roger e ao departamento de futebol estudarem as melhores alternativas.
    Coletivamente o Grêmio precisa evoluir, precisamos de mais força, força física e mental, na hora de segurar um jogo e ultrapassar as adversidades será necessário.
    Tenho duas esperanças técnicas, Lincoln e Bolaños. O título passa por estes dois jogadores juntamente com um time mais “cancheiro”. Chegou a hora de se impor na bola e na luta.
    Clube, time e torcida… TODOS SENDO GRÊMIO!!!

  • Queria estar tanto otimista como todos que aqui postaram mas definitivamente não posso. Não posso pelo fato que a zaga não me transmite segurança e o goleiro segue com a grande deficiência ao meu ver da escola de goleiros do GREMIO, não sabe sair do gol. Sem o Geromel, a zaga não fica bem postada com eficiência e nas bolas aéreas é um Deus nos acuda, e por fim os indolentes na frente teimam em concluir sem a determinação e qualidade que precisamos.
    Concordo com que a esperança está no Bolaños, mas a zaga não é confiável e do meio para frente é um toque toque improdutivo que quando pega um time organizado fechado que sabe explorar contra ataques rápidos pode nos complicar de vez.
    Espero que estejamos com sorte para voltar a trilhar o caminho das vitórias e voltar a acreditar em títulos e não só em boas campanhas.
    quanto ao treinador me parece que falta sangue falta o tal de olho de tigre como bem colocou o Capo di tutti capi Fallavena.
    FORZA GREMIO FORZA GREMIO
    Cesar Rotta

  • Queria saber se o Fallavena ainda quer enfrentar o Boca para se “vingar”, na minha opinião é melhor não Fallavena, é melhor esperar mudar o técnico o diretor de futebol, e alguns jogadores aí sim como o GREMIO VESTIDO DE GREMIO,aquele que era forte aguerrido e bravo aí sim poderemos encarar qualquer adversário.
    Como esse dia está longe, eu desisto, larguei…
    SALVE GREMIO SALVE GREMIO.
    Cesar Rotta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *