Vou procurar ser objetivo e direto nas minhas colocações acerca deste domingo.

Já faz algum tempo que alertamos o clube no sentido de resgatar a IDENTIDADE “COPERA” do Grêmio. Desde a criação do Prata em 2008, em meio a Révers, Rafaéis e Magrões, temos com preocupação e desespero alertado o Clube de maneira formal e informal.

Mas infelizmente, apesar de sermos SEMPRE ouvidos e escutados (especialmente pelo Presidente Romildo, sempre cordial, solicito e gentil a nos escutar), não vemos eco e alguma movimentação do Clube no sentido de aplicar ao que nos propomos enquanto movimento determinado a resgatar a FORÇA do Clube. Não vemos a mínima possibilidade de que sejam aplicadas iniciativas com vistas à formação de um time de força, personalidade e velocidade, além de boa técnica.

Estamos preocupados….

Perdemos domingo, e perdemos não só na bola, mas também na fibra, na vergonha na cara e no olho! Não é possível um tal Dalessandro desembarcar em POA faz quase 10 anos e apitar grenal atrás de grenal e submeter nossos atletas jogo apos jogo! Não posso aceitar e compactuar a conversa e troca de carícias de jogador nosso com Paulão na área do adversário!  Não posso aceitar Dalessandro meter a mão na nuca de Luan e o time nada fazer! Sem falar na marcação por zona dentro da área e na falha de Erazo!

A ausência de alguém no Departamento de Futebol capaz de conversar com Róger em alto nível no que tange ao entendimento de jogo faz com que o Treinador cometa erros absurdos na escalação (as escolhas absurdas de Éverton e não Bobô, e Ramiro e não Edinho, indicam a concepção equivocada de futebol), na leitura do jogo e sua proposta. E aí, diga-se de maneira clara que os homens do Depto. de Futebol nada tem a fazer e a acrescentar ao futebol. O Executivo atual perdeu quantos grenais?! Quantos?!

Então, o que seria preciso para recolocar o Grêmio no rumo das vitórias?! No rumo das conquistas?!

Sem dúvida, eu afirmo, com a franqueza necessária ao Clube neste momento. Seria preciso dar as chaves do Futebol do Clube ao nosso Movimento, desde as Escolinhas, passando pela Base ao Profissional. Sim, e nada queremos além de dar nossa contribuição, nada além de ver o Grêmio de Verdade, o Grêmio Campeão. Nada! Nós poderíamos sim, fazer da gestão do Presidente Bolzan, um mandato de Vitórias!

Chega!

Estamos às portas de um Copa, e então há que se falar. Sob pena de mais uma vez morrermos na praia com um time acovardado.

Indicamos ao Clube já em 2012, alguns atletas! Dybala hoje Juventus de Turim, que na época atuava na segunda divisão argentina pelo Instituto. Sanches, e este também na segunda divisão argentina e hoje Celeste Olímpica e Campeão pelo River. E Luca, hoje no Campeão Brasileiro, que atuava na série B pelo Criciúma. Estes alguns exemplos de indicações nossas que hoje estão praticamente fora do nosso alcance e potencial financeiro.

No mais, cabe lembrar a forma com que foi tratado o Associado Gremista domingo antes, durante e após o jogo. Absurdo!

E daí me reporto à necessidade de remover algumas pessoas do estratégico e até mesmo do operacional do Clube.

Queremos um Grêmio Forte, Aguerrido e Bravo. Queremos mudanças!

Rogerio Fallavena

Vice-Presidente do Grêmio do Prata

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

8 respostas a “Hora de Mudar”

  • Baita texto, Fallavena!

    Os erros se repetem ano a ano. Contratam por “atacado” e não por convicção. Rui Costa perdeu 7 GREnais e ganhou só dois. Nenhum título e contratou quase 50 jogadores. Lamentável

    @denisfpalmeida

  • E vamos dar nomes aos bois, Fallavena: Élvio, Luis Moreira, Rui Costa, Cesar Pacheco são alguns deles, digo que formam o quarteto principal que deveriam ser dispensados de suas funções dentro do clube, Já usurparam, já tiveram suas chances… DEU!!! BASTA!!! MUDANÇA JÁ!!!

    Se o associado, que tem esse poder na mão em eleições não souber fazer isso, não colocar o GRÊMIO do Prata no conselho em 2016 e for nos mesmos, fadamos a mais alguns anos nessa mesma condição que nos encontramos há 15 anos!!!

  • “A ausência de alguém no Departamento de Futebol capaz de conversar com Róger em alto nível no que tange ao entendimento de jogo faz com que o Treinador cometa erros absurdos na escalação (as escolhas absurdas de Éverton e não Bobô, e Ramiro e não Edinho, indicam a concepção equivocada de futebol), na leitura do jogo e sua proposta.”
    O Roger, pra mim, é um baita técnico e até nem acho as escalações dele incorretas – tendo em vista o elenco. O grande problema se resume nas primeiras palavras deste trecho do texto… o departamento de futebol do GRÊMIO, há anos, é acadelado, tendencioso, aproveitador e larga o clube sempre nas mãos do treinador. Ninguém faz milagre, por muito tempo, com um time destes. O técnico decide o esquema, as escalações, mas tem que ser conforme a “cara” do clube; quem impõe a “cara” do clube é o clube… mas não no GRÊMIO…

  • ENFIM, uma crítica forte, objetiva e GREMISTA! Fallavena, praticamente expuseste as mazelas que diminuem o Grêmio desde 2001. NADA ACONTECERÁ, caros amigos do Prata! NADA! A não ser que haja uma mobilização REAL, de forma e de gremismo NAS PORTAS DA ARENA! O que essa “gente” está fazendo com o clube (nada, absolutamente nada mudou desde 2001, a não ser uma mínima “febre” de união política, a qual inclusive pode ser MENTIROSA) é CRIME. Estamos perdendo TORCIDA e NÚMERO DE SÓCIOS. As escolhas de Bolzan atestam: infelizmente esse senhor parece ser o “novo” Odone. Ou ele é GREMISTA, ou mantém RC e Pacheco. A limpa tem de chegar tb aos bastidores: L. Moreira, Élvio e a vários “parasitas” que lá estão. Suas ações estão afastando sócios e diminuindo torcida (maus tratos e futebol pífio). O Grêmio está DIMINUINDO e esses senhores, hoje “chefiados” por Bolzan, pouca fazem.
    Que reorganização financeira é essa, amigos? Montaram um time ruim e ainda pedem 40 milhões de SUPLEMENTAÇÃO. E NINGUÉM desse CD acabrestado denuncia!!!
    O que esperar em 2016? Como montar time com um pavão e um jurássico? Como escolher jogadores por DVD e ou VHS? Paro aqui!! Hoje dá “raiva” de ser gremista, pois fico a pensar em quem “administra” MEU GRÊMIO!!!

  • Futebol fraco e suplementação de 40 milhões.
    Jogadores caminhando em campo.
    Diretor executivo sem nenhuma cobrança.
    Diretor de futebol sem convicção.
    Presidente nos enganou…
    SE NÃO MUDAR NÃO GANHAM NEM GAUCHÃO ANO QUE VEM.

    OBS: No esporte o atleta ou o clube precisam aprender a jogar finais, hoje o Grêmio abre o cadeado nos primeiros sinais de adversidade. Não sou eu que digo isto, o clube tem demonstrado isto ao longo dos últimos anos.
    Nosso último título foi uma derrota dentro do antigo Olímpico, 0x1, 2010 lembram?
    Em 2011 após ganhar o primeiro jogo da final do gauchão 2×3 na casa do adversário abrimos o cadeado em casa mais uma vez e perdemos 2×3 e depois derrota nas penalidades.
    O Grêmio desaprendeu a jogar sob pressão, grenais, Cruzeiro, Universidade Católica, Palmeiras, Santa Fé, Atlético PR, Fluminense e por aí vai.
    Pior, muitos jogos destes dentro dos nossos domínios.
    Entra presidente e sai presidente, entra executivo e sai executivo, entra vice de futebol e sai vice de futebol e aí questiono… onde está o problema????
    O problema está na cabeça de quem comanda e pensa o futebol do Grêmio, já gastaram, já fizeram times “baratos” e não conseguem ganhar nem par ou ímpar.
    Quantos gaúchos jogam no Grêmio hoje como titular?
    Outro dia a nossa “joia” Luan disse com todas as letras que seria a realização de um sonho jogar no Real Madrid. Eu sou do tempo do China, Baidek, Bonamigo e tantos outros oriundos da base que tinham como sonho sair campeões com o Grêmio.
    Infelizmente estão tentando matar o Grêmio, desvalorizam nossas características ano após ano, desvalorizam nossa história, desvalorizam nossa torcida e por incrível que pareça desvalorizam nossa FÉ.
    Quanto mais seguirem no caminho errado, mais tempo levaremos para sermos Grêmio.
    Qual será nosso primeiro título na Arena????
    Baixem um pouco a crista e lutem por algo concreto, não me vendam o sonho da Libertadores se não conquistam nem gauchão…
    Infelizmente nosso momento é desolador… sugam nossa energia para enriquecer jogadores, diretores, treinadores e empresários.

  • Como poucos se manifestam aqui, deixo mau último recado. O desempenho e a capacidade dos 3 gestores do futebol gremista – Bolzan, Pacheco e Rui – “seriam” causa para INTERVENÇÃO! Como não temos “forças”, 2016 apresenta-se como mais um ano de DIMINUIÇÃO INSTITUCIONAL. Perder TODOS os jogadores pretendidos para QUALQUER clube, explicita a total falta de “perfil” para administrar futebol. Vergonhosa a atuação desse trio no futebol!!! Pobre Grêmio!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *