No último sábado, 12/11, ocorreu mais um encontro do GRÊMIO DO PRATA. Pela segunda vez, a reunião aconteceu na Sede Recreativa do GRÊMIO, na Ilha Grande dos Marinheiros. Novamente os presentes ficaram maravilhados com o local, tanto pela beleza natural quanto pela história que está lá. Em conversas com João Augusto Correia, ele descobriu que ali, naquela Ilha, havia um Hangar das Empresas Condor, onde eram guardados hidroaviões que pousavam no Guaíba, antes da Segunda Grande Guerra. Chegando na margem de um dos lados da Ilha é possível ver boa parte da rampa, na qual os aviões eram carregados para serem guardados. Além disso, blocos de concreto estão de pé, prova de que ali foi construído uma estrutura de peso, portanto, o Hangar. Entretanto, ainda é preciso descobrir mais dessa história. Infelizmente, assim como a Ilha, muito da história, do patrimônio gremista, está abandonado e precisa ser resgatado. Essas histórias se misturam com o GRÊMIO, provando que este clube é mais do que um simples time de futebol, é uma instituição que se embrenha nos sentimentos dos gaúchos.

Esses sentimentos puderam ser comprovados através dos discursos de Cláudio Medeiros e Rogério Fallavena. Discursos que enalteceram um futuro mais esperançoso para o GRÊMIO. Agradecimentos ao Gabriel Tessis, ao Cristiano Zucco e ao Felipe Moreira pela organização do encontro.

O GRÊMIO DO PRATA convida a todos aqueles que não tiveram a oportunidade de conhecer que vão à Ilha do GRÊMIO e descubram esta maravilha. Em um final de semana com sol, faça o seu churrasco, leve a família. Vamos preservar o patrimônio desse clube. A beleza do local nós destacamos em algumas fotos neste site.

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

Um comentário em “Encontro na Ilha do Grêmio”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *