A derrota para o São Paulo inegavelmente nos deixa decepcionados, porém não é o suficiente para deixarmos de acreditar no time, no treinador e na campanha do Grêmio no Campeonato Brasileiro e na Copa do Brasil. Não podemos deixar de perceber o quão qualificado foi o time adversário nesse domingo na Arena, um time que sabia o que fazer com a bola e que impôs uma movimentação que causou problemas ao time do Grêmio.

O São Paulo veio disposto a confundir o Grêmio, atuando com Breno como volante e Carlinhos como meio-campista permitiu que Thiago Mendes participasse bastante da construção das jogadas ofensivas, liberou o Ganso para ser o homem de referência do meio campo e ataque, aproveitando a qualidade do Pato pelo lado esquerdo e do Michel Bastos pela direita.

O Grêmio foi pouco criativo, apesar de manter o bom toque de bola e de não desistir de tentar, acabou sendo envolvido pelo alto nível do jogo do São Paulo. É inegável que a derrota não é boa, porém perdemos o jogo para um adversário qualificado e que provavelmente estará junto com o Grêmio na frente da tabela do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, além de ser um time que assim como o nosso está em construção e que pode almejar coisas maiores em 2015 e 2016.

O Grêmio vem construindo um trabalho interessante e de alto nível, porém ainda incipiente. Hoje temos um padrão de jogo, uma mecânica de qualidade que permite estarmos bem colocados em todas as competições que disputamos.

Uma derrota não pode e nem vai colocar o trabalho realizado em descrédito, precisamos permanecer otimistas e continuar acreditando na nossa comissão técnica e grupo de jogadores. Não se pode esperar que com 6 meses de trabalho não tenhamos momentos de oscilação e partidas com derrotas, as aspirações do Grêmio devem continuar grandes, temos uma comissão técnica, jogadores e torcida dignas desse objetivo.

Derrotas como essa mostram que existem correções a serem feitas para garantir o bom andamento do trabalho realizado até aqui. Estamos nos aproximando de duas decisões pela Copa do Brasil e devemos apoiar ao máximo nosso time para quando enfrentarmos o Fluminense, o ambiente esteja propicio para avançarmos para a Semifinal.

Na semana de aniversário do Grêmio podemos comemorar muito, não o jogo desse domingo, mas sim o bom momento vivido atualmente pelo Clube e os 112 anos de Glórias.

O Grêmio do Prata não se deixa abalar por uma derrota, vamos continuar apoiando e acreditando em um 2015 com título e um 2016 de continuidade e mais de acordo com os 112 anos de história do Grêmio.

Equipe de Trabalhos do Futebol

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *