Que semana, senhoras e senhores… que só o Grêmio podia nos proporcionar. Após a bela vitória contra o líder Cruzeiro, o tricolor emplacou duas vitórias seguidas no campeonato brasileiro. E no começo da busca do pentacampeonato, um tropeço possível de reverter na nossa casa.

No dia 17/08/13 no Rio de Janeiro, recebi o melhor presente de aniversário que um gremista podia receber. Uma vitória do tricolor. A última vitória sobre o Vasco no São Januário foi no distante ano de 1973. E a última vitória no RJ contra o mesmo, foi há quase 20 anos. Uma vitória incontestável do tricolor, do jeito que mais gostamos, com garra, pegada e um futebol objetivo. Barcos desencantou. O Barcos que vimos contra o Vasco, é aquele que a torcida comemorou quando foi contratado. Que continue em busca da meta dos 28 gols. O Grêmio ganha com isso. E que surpresa esse Ramiro! Um jovem vindo do Juventude e encaixou muito bem na equipe. E com certeza, o seu gol contra o time carioca vai concorrer entre os mais bonitos da competição.

No primeiro jogo da busca do pentacampeonato da Copa do Brasil, o tropeço. O Grêmio conseguiu segurar o Santos e até teve chance de matar o jogo na Vila Belmiro, mas o ditado “quem não faz leva” caiu como uma luva para o tricolor. Barcos, Kléber e Souza tiveram a oportunidade de liquidar o confronto das oitavas de final, por isso, o tricolor precisa da torcida quarta-feira às 22 horas na Arena.

Contra o carioca mais freguês da história, o contestado Pará bem no início da partida garantiu a vitória com um belo gol de falta (com ajuda de André Santos e Marcelo Moreno que não fazem falta alguma) e mais três pontos na tabela ocupando a 3ª colocação. A partida não foi das mais bonitas, concordo, aliás, quem se importa? Numa competição longa o que vale é somar pontos . Ganhar fora de casa nunca é fácil, nunca foi. O esquema fora de casa tem dado certo no campeonato brasileiro, que continue. Vitória que mostra o time almejando coisas maiores que uma vaga. O Tri é possível. Esqueci de saudar a entrada de 3 jogadores da base contra o Flamengo. Isso é bom. E só pediria uma oportunidade melhor para o Lucas Coelho. Não só 5 minutos e sempre quando estamos perdendo. Vamos colocar o guri quando estamos ganhando e com uns 30 minutos, pois esse pode ser o nosso grande atacante de 2014.

Temos dois jogos cruciais nesta semana. O primeiro é o jogo da volta contra o Santos. É DEVER do torcedor gremista lotar a Arena e empurrar o time para mais uma vitória. Temos tradição nesta copa e precisamos do 5° título. Não importa se vai estar frio, chovendo, se o jogo vai passar na TV aberta… teu lugar é no Humaitá quarta-feira. Contra a Ponte Preta no sábado, é a hora de buscar a liderança do campeonato. Sim, é possível. Já vencemos os dois primeiros colocados e a tabela até o final do turno é das melhores. Então, Arena lotada outra vez. Encontro vocês, tricolores, quarta e sábado na Arena em busca dos dois campeonatos que disputamos. É possível sim!

Dale Grêmio!

Denis Almeida
@denisfpalmeida
Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

13 respostas a “O presente, o tropeço, a vitória emblemática e o chamado”

  • Esse é o espirito, aproveitar que o time esta correspondendo dentro de campo e fazer a diferença na arquibancada, dentro das limitações já conhecidas na Arena obviamente!
    Frio e chuva nao é desculpa, na Inglaterra e na Alemanha jogos com 1, 2 graus completamente lotados, tem que deixar essas frescuras de lado e fazermos a nossa parte!

    DA-LHE GRÊMIO

  • Concordo plenamente, e digo mais…a velha maxima do futebol: em time que esta ganhando nao se mexe…essa gurizada que esta jogando tem e DEVE continuar jogando…nos temos o mamute e lucas na reserva, sao baita jogadores e aos poucos vao conquistar seu espaco no time titular!!! a derrota para o Santos foi um acaso…coparemos novamente na ARENA…
    na MINHA OPINIAO…o Ze Roberto e Vargas jogam muito, porem o time esta melhor sem eles…quando o ZE joga, o time espera demais dele e nao se esforca da maneira que estao se esforcando sem ele…nao podemos depender somente de um jogador…se o Renato tiver culhao, vai manter o time que conquistou 12 pontos em 12 pontos…temos grupo, temos nomes, temos tudo para copar o brasileirao e a copa do brasil… AVANTE MEU GREMIO!!!

  • É o momento de embalar, de se acreditar e apoiar o time. Este mesmo time volta a passar confiança ao torcedor, como dito, este mesmo torcedor tem a obrigação de ir a arena sim! De apoiar a equipe, de avançar na copa do brasil e de cada vez mais se aproxima da liderança do brasileiro. Estamos tendo gratas revelações de jogadores, outros voltando a atuar bem, ingredientes para que possamos, ainda com que os pés nos chão, mas passa acreditar que sim, podemos chegar ao fim do ano com a conquista de um titulo nacional. TODOS GREMISTAS CONTRA O PEIXE, TRANSFORMA A ARENA NUM INFERNO!!Parabens Denis pela coluna E DALE GRÊMIO!!

  • Obrigado Renato Portaluppi, nosso ex-treinador nos tirou a alegria e nosso jeito de ser, tu Renato, estás devolvendo. Gracias!!!!
    Coisa linda é ver os jogadores ceifando em campo, se seguir assim a taça voltará ao TRICOLOR DE PORTO ALEGRE.
    Parabéns pelo texto Denis.

  • Grande Denis. Ótima análise. E endosso o pedido de uma melhor oportunidade para Lucas Coelho.

    Avante Grêmio!! Nos encontramos hoje a noite na Arena.
    @ClaudiodoPrata

  • Grande análise Denis! Bom, hoje é o primeiro dos dois jogos cruciais. Que a torcida lote a Arena e passemos pelo Santos em ritmo de COPA. Aí só depois pensar a Ponte. Tudo que eu quero ver é um clima de mata-mata hoje, como nos velhos tempos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *