Depois de mais um desempenho apático, o Grêmio retorna de Belo Horizonte com um ponto na guaiaca. Nossa equipe foi agredida o tempo todo pelo Cruzeiro e, apesar de equilibrar a posse de bola, em momento algum foi intensa e agressiva. Ponto ganho, portanto.

A apatia demonstrada pela equipe nos últimos confrontos pode ser justificada pelos desfalques por lesões, pelo cansaço ou até mesmo pela falta de recursos técnicos à disposição de Roger. Contudo nota-se claramente que nossos adversários já perceberam como anular nossas principais jogadas de ataque e, se isso não bastasse, parecem ter descoberto o caminho da roça, atacando sempre nas costas dos nossos laterais, principalmente no lado esquerdo da nossa defesa.

Convenhamos que nem o mais otimista dos gremistas imaginava que, restando 27 pontos, estaríamos ocupando a terceira colocação com folga de duas rodadas. Ocorre que o time nos encheu de esperanças, víamos um Grêmio intenso, agressivo e extremamente concentrado. A desclassificação na Copa do Brasil foi um banho de água fria, um choque de realidade, ao menos pra mim. Não deveria me surpreender pois tem sido fato raro vencer mata-mata nos últimos anos, mesmo que seja uma mísera oitavas de final.

Nesta parada de dez dias no Brasileirão espero que o grupo descanse, recupere forças e o bom futebol de um mês atrás; sobretudo que este grupo firme um pacto para não deixar escapar esta vaga na Libertadores de 2016. Penso que o grupo, que tem sido apoiado de forma exemplar, deve isto à torcida. Torcida que acreditou e abraçou o grupo no momento mais difícil do ano, torcida esta que tem ido à Arena cada vez em maior número e, coloca o clube como 4ª maior média de público no campeonato.

Que todos dentro do Grêmio tenham foco total nos próximos 9 jogos. O grupo nos deu mostras do que pode fazer, que se reinvente caso seja necessário, que faça ao trancos e barrancos com balão, 2 centroavantes, 3 volantes, com o diabo a 4, mas de qualquer maneira que conquiste essa vaga.

Comemoro vaga, sim! Comemorarei esta com sabedoria e duas garrafas de vinho, em silêncio. Porque vaga deve ser comemorada com moderação e certo rancor. Mas sempre comemorada.

Saludos e que venha o Santos.

Rafael Ferri

@Treboles_

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

Um comentário sobre “Ponto ganho”

  • “Comemoro vaga, sim! Comemorarei esta com sabedoria e duas garrafas de vinho, em silêncio. Porque vaga deve ser comemorada com moderação e certo rancor. Mas sempre comemorada.”
    Ano que vem… ano que vem vamos levantar uma taça, ou mais… to levando fé!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *