Acorda-se na segunda-feira com o peito TRICOLOR cheio de bravura – mesmo após derrota ridícula no domingo; primeira visão é o pôster do mundial 1983; inevitáveis comparações e um sentimento que já te leva direto ao próximo domingo; todos sintomas que o GREMISTA desenvolve em uma semana GREnal.

Não importa a fase, não importa quem dirige, quem treina, quem joga, onde vai ser. Só importa ganhar; só importa ir com o GRÊMIO, alentar e ser bravo. Em semana GREnal o GREMISTA pensa ainda mais no GRÊMIO – se é que isto é possível – e faz  a analogia com as batalhas campais que tanto definiram a genética do nosso povo, imagina o time mais guerreiro em campo, sonha mesmo com o jogo, sai pra rua todos os dias pronto pra defender o GRÊMIO e o único assunto coerente que sai da sua boca é o jogo de domingo.

Semana GREnal define todo o humor do GREMISTA. E não só o humor como suas resoluções, relações, suas ações e a forma como age. Me arrisco a dizer que semana GREnal define até o seu nível de fé e espiritualidade. Todo GREMISTA em semana GREnal é técnico, é diretor de futebol, é jornalista é preparador físico e principalmente olheiro. Porque é tão inaceitável perder um GREnal que, nestes 6 dias que se seguem queremos exercer todas as funções no clube para não correr riscos.

E assim será nossa semana. Desejando que a próxima seja iluminada com os nossos sorrisos e não os sorrisos do tradicional adversário. Assim estaremos até o momento final do jogo, acreditando que seremos vitoriosos e entregando nossas almas no estádio ou fora dele pra apoiar o GRÊMIO. O torcedor GREMISTA hoje talvez não tenha tantos motivos para acreditar na vitória, mas como jamais abandona, acredita e vai contra tudo que os midiáticos impõe, vai contra qualquer tipo de secação e enche todos os dias um pouco mais a sua mente do puro GREMISMO.

Se temos condições de encarar o adversário? Sempre tivemos, sempre teremos! Assim bate o coração TRICOLOR. Assim se figura o indomável, o imortal e incondicional amor GREMISTA. Que ganhemos este jogo de domingo! Não se deve dar moral pro adversário e exatamente por isso deve-se valorizar a vitória. Ganha GRÊMIO, que queremos festejar!

Ana Vilches

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

4 respostas a “Semana GREnal, pela perspectiva GREMISTA”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *