Hoje começamos nosso caminho rumo ao PENTA da Copa do Brasil. O jogo é contra o Santos, às 20h na Arena (todos à Arena). O GRÊMIO é tido no país como o maior especialista na competição, ainda que a sua última conquista tenha sido há 13 anos. Com 4 títulos na bagagem, ao lado do Cruzeiro, são os maiores vencedores da competição. Ainda, o tricolor é o clube de que mais finais participou, ao todo são 7 (1989, 1991, 1993, 1994, 1995, 1997 e 2001), contabilizando 3 vice-campeonatos e é o segundo que mais vezes chegou até as semi-finais, com 4, atrás do vasco-da-gama, que possui 6 semi-finais. O GRÊMIO venceu 3 edições de forma invicta, em 1989, 1994 e 1997, sendo também o maior campeão invicto da competição. O nosso maior artilheiro em uma edição na competição é Paulo Nunes, com 9 golos anotados em 1997. O GRÊMIO ao todo participou de 21 edições, sendo que de 2001 a 2012 os clubes que participaram da Taça Libertadores da América não participavam da Copa do Brasil do mesmo ano. Outra curiosidade envolve nosso comandante da casamata, Luis Felipe Scolari, sendo o técnico que mais vezes conquistou a copa, vencendo 4 edições (1991 – Criciúma; 1994 – GRÊMIO; 1998 – Palmeiras; 2012 – Palmeiras).

Alguns jogos marcaram essa gloriosa trajetória que temos nessa competição. Vejamos alguns:
1989 – Semi-final – GRÊMIO 6 x 1 Flamengo
O GRÊMIO massacra o flamengo dentro do Olímpico.
1989 – Final – GRÊMIO 2 x 1 Sport Recife
O GRÊMIO se sagra como o primeiro campeão da competição e de forma invicta. Gols de Assis e Cuca.
1994 – Oitavas-de-finais – GRÊMIO 2 x 0 Corinthians
Jogo da reabertura do Olímpico. Gols de Gilson e Fabinho.
1994 – Final – GRÊMIO 1 x 0 Ceará
Nosso segundo título da copa. Gol de Nildo “Bigodão”.
1995 – Oitavas-de-finais – Palmeiras 2 x 2 GRÊMIO
O GRÊMIO teve 3 jogadores expulsos, Arilson, Dinho e Goiano, ainda no primeiro tempo, contra um do Palmeiras, Mancuso. GRÊMIO virou o primeiro tempo vencendo por 2 a 0, gols de Goiano e Paulo Nunes. Na volta, o Palmeiras fez uma blitz contra o GRÊMIO, chegando ao empate. Precisando segurar o placar para se classificar, o GRÊMIO teve de contar com uma das maiores atuações do goleiro e ídolo Danrlei, salvando a pátria tricolor.
1996 – Semi-finais – GRÊMIO 2 x 1 Palmeiras
Um jogo onde, mesmo o GRÊMIO saiu eliminado, se tornou um símbolo do que era o GRÊMIO da época. Ganhávamos por 2×1 e precisávamos de apenas mais um gol para levar a disputa para os pênaltis. Jardel no final do jogo empurrou a bola para as redes e o bandeira marcou impedimento, invalidando o gol. Ao final do jogo, o GRÊMIO mostrou que com aquele time não se vencia fácil, ainda mais de uma forma irregular. Até gandulas invadiram o campo e a confusão se armou, junto ao bandeira e ao árbitro. Mesmo com a intervenção da polícia o “pau comeu” e os palmeirenses tiveram de sair correndo para o vestiário. Depois, o presidente da época, Fabio Koff deu uma entrevista falando sobre as falcatruas da Parmalat no futebol brasileiro, a qual era a patrocinadora do clube paulista
1997 – Semi-final – Corinthians 1 x 2 GRÊMIO
O goleiro Silvio jogou com o dedo quebrado e o GRÊMIO venceu com apenas “um chute a gol ” e marcou 2 (sendo um deles contra) e o outro marcado por Paulo Nunes.
1997 – Final – Flamengo 2 x 2 GRÊMIO
A final foi denominada como o 2° Maracanazzo, onde havia mais de 100.000 pessoas presentes no estádio e ao término da partida o estádio ficou em silêncio, ouvindo-se apenas os gritos de comemoração dos jogadores e comissão técnica do GRÊMIO.
2001 – Final – Corinthians 1 x 3 GRÊMIO
Até hoje lembrado na imprensa do centro do brasil como um massacre tricolor diante dos paulistas. O GRÊMIO simplesmente jogou uma final de campeonato em ritmo de treino, onde o último gol foi marcado com troca de passes de pé em pé, colocando a zaga corinthiana na roda. Gols de Marinho, Zinho e Marcelinho.
Temos motivos de sobra para acreditar na conquista de mais uma copa e reconfirmar nossa fama de “O REI DE COPAS”
VAMOS TRICOLOR QUEREMOS A COOOOPA!
Felipe Moreira
@FMGREMIO
Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

Um comentário em “QUEREMOS A COPA!”

  • Vaiar Luan, o único jogador de quem se podé esperar algo, é muita burrice! Enquanto isso, o Zumbi Não fala mais e delega ao motorista ou ao Playboy da Pe Chagas! Nenhuma vaia a Koff e a essa patética direção de futebol! Sé o G Não Cair , teremos de ir a Ghoete!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *