O GRÊMIO, ontem, ainda não jogou como deve jogar na COPA, mas a volta do Elano já mudou bastante a postura do time em campo. E ver o Roger, na beira do gramado, por si só, parece que também rendeu maior organização tática.

Há um tempo vínhamos jogando sem armar, com um meio de campo preocupado somente com marcação, sem avanço eficaz pelas laterais e principalmente, nosso ataque, fazendo quase nada de gols. Ontem, melhoramos um pouco nestes pontos. Porém, na zaga, que banzé! Quanto mais vejo o Cris jogar – ou não jogar nada – mais sinto falta do Werley e mais me preocupo, pois sei que cumprida a suspensão, ele vestirá novamente a TRICOLOR.

O Vargas, para nosso deleite, calou a boca dos vários críticos – GREMISTAS ou não – e mostrou que tem raça, que tem técnica e que como se diz: “ A bola procura os bons.” E no gol dele, a bola procurou mesmo sua cabeça e morreu lindamente na rede do seu xará. O Barcos continua tendo que voltar para buscar as jogadas e por isso tem-se a impressão de que ele está jogando menos, mas para mim, continua sendo um jogador diferenciado e muito importante, na nossa busca do título.

No meio, o Fernando esteve muito bem – que golaço – e segurou a pressão quando ficamos com um a menos. O Souza, com exceção de um lance ou outro, esteve apagado. O André Santos, jogando mais enfiado, nos mostrou que o Alex Telles é bem mais assertivo nos passes e lançamentos do que ele – enfim, volta o Zé e ele fica na lateral de novo (teimosias). O Pará jogou bem, parecia menos nervoso e mais focado. Para o Elano, há uma necessidade clara e urgente de se fazer um trabalho físico mais eficaz; quando ele sai de campo, perdemos muito do nosso esquema.

Tomar um gol em casa, ainda que por uma bobagem específica, nos coloca em uma posição bem menos tranquila do que poderíamos estar. Este time do Santa Fé é raçudo e na casa deles vão crescer bastante. Nossa postura terá que ser inteligente e segura. Precisamos fazer gol lá; temos que ser ofensivos, mas não faceiros.

Aos trancos, vamos avançando na COPA. Que tenhamos ainda mais vontade, que sejamos muito mais aguerridos e inundados pela bravura dos nossos exemplos passados.

É sabido e notório, que as COPAS dos últimos anos não são mais como as das nossas glórias. E é aí que vejo nossa obrigação. Nunca é totalmente fácil, mas pela nossa história, pela grandeza da nossa camisa e pelo amor que esta torcida dedica ao GRÊMIO, não aceito morosidade. No mínimo, nos próximos jogos, quero a vontade de ontem. Vejo que podemos ir para a próxima fase, mas teremos que ser cada vez mais contínuos e cada vez mais imbuídos do desejo de vitória. Pega essa taça, nem que seja nos dentes, GRÊMIO! Nós queremos e merecemos festejar. Que a volta da Colômbia, seja com a vaga.

 

“Vamos GRÊMIO, vamos!
Lutaremos e ganhamos!”

 

Ana Vilches
@anagremiovedder

Cadastre-se para receber nossas atualizações

Não se preocupe, não enviaremos spam

3 respostas a “Te sigo aonde for”

  • Não elogio mais teus textos. Porque já deve estar cansada de ler e ouvir hehee

    Vargas fez um partidaço. Triste é ler e ouvir muitos jornaleiros desmerecendo a partida do chileno. Mas no final, vai calar essa corja.

    Gostei da zaga! Bressan e Gabriel podem ser titulares. Gaúchos com personalidade e muita vontade.

    Elano enquanto teve perna jogou muito bem. Momento para recuperá-lo plenamente.

    O time jogou bem, se não fosse a expulsão do ex zagueiro Cris, venceríamos com mais facilidade.

    Rumo ao TRI!

    @denisfpalmeida

  • Sem desmerecer os mais velhos, mas é lindo de ver a gurizada jogando e dando conta do recado, lógico que todavia nos falta um longo caminho a percorrer mas parabéns ao time pela luta e entrega.
    Parabéns Gabriel, Alex Teles, Bresan, Fernando, Biteco e ao guri da casamata… Roger!!!!!!!!!
    O Grêmio depende mais dessa gurizada do que dos velhos, quando faltar força para os velhos a gurizada tem energia para dar a vida pelo Grêmio, NÃO LARGUEM O OSSO GURIZADA!!!!!

    OBS: Quem levanta um estádio em menos de dois anos conserta um setor em bem menos de 60 dias, ontem percebi que não colocaram nenhum parafuso ainda nas arquibancadas.
    VAMOS NOS MEXER, O GRÊMIO DEPENDE DE NÓS, TRABALHAMOS DIA E NOITE E DEIXAMOS O SETOR DA ARQUIBANCADA APTO A RECEBER A FESTA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *